Muitas pessoas podem entender o conceito de “imagem profissional” de maneira mais literal, como a forma de nos mostrarmos fisicamente em nosso ambiente de trabalho, entre roupas, corte de cabelo etc.

Isso não está errado, mas é limitado. Afinal, essa imagem profissional engloba muitos outros fatores e tem sido cada vez mais avaliada e valorizado no mercado.

E você, sabe o que é imagem profissional? Tem investido na sua de maneira correta? Quer aprender a construí-la? Continue a leitura e saiba tudo sobre o assunto!

O que é imagem profissional?

Como eu disse, essa imagem envolve a nossa aparência física, mas também é construída a partir de outros fatores:

  • a aparência — diz respeito não à sua beleza, mas à forma como você se veste e se apresenta de acordo com o meio em que convive;
  • a postura — é relacionada à sua maneira de andar, sua postura física, a forma como cumprimenta, olha e conversa com as pessoas. Isso porque a sua postura pode demonstrar falta ou excesso de confiança, empatia e outros sentimentos fundamentais no mercado de trabalho;
  • reputação — é a imagem que você tem no mercado, a sua credibilidade profissional;
  • conhecimento — você também pode ser percebido (e avaliado) por meio das suas habilidades e conhecimentos;
  • mentalidade — as pessoas o veem como um profissional proativo, bem humorado, otimista e empenhado na solução dos problemas.

Como ela afeta a forma com que somos vistos?

Já deu para perceber que a imagem profissional que transmitimos pode definir muito do nosso futuro profissional, não é mesmo? Afinal de contas, o mercado de trabalho (independentemente do ramo de atuação) tem exigido colaboradores com perfil mais proativo, colaborativo, determinado, resiliente, entre outras características voltadas ao trabalho em equipe e à resolução de problemas.

Agora, imagine um profissional que tem essas características, mas que não sabe transmiti-las de forma correta. Por exemplo: um colaborador capaz de solucionar qualquer tipo de problema assim que ele surge, mas não consegue expressar as suas habilidades muito bem. Ele se mantém cabisbaixo, com uma postura insegura, e não demonstra proatividade, mesmo sabendo exatamente o que fazer.

Ainda nesse exemplo, essa imagem profissional equivocada poderá prejudicar possíveis promoções. Afinal, os gestores poderão nem mesmo saber das competências desse colaborador, que apresenta uma imagem instrospectiva, que não se relaciona bem com a equipe e é inseguro na hora de se comunicar com os clientes.

É possível construir a imagem profissional desejada?

Agora que você já sabe da importância de uma boa imagem pessoal, pode estar avaliando o que precisa ser melhorado na sua e se perguntando se é possível construir a imagem desejada. Sim, com certeza!

Como seres humanos, estamos em constante transformação e evolução, felizmente. E sempre é possível ajustar a sua postura às exigências do mercado e ao profissional que você quer ser. Para tanto, fique atento a alguns pontos:

  • aparência e vestuário — roupas caras não são necessárias; o que realmente importa é estar vestido de acordo com o local de trabalho, sem exageros e com bom senso. Cuide sempre da higiene das roupas, calçados, cabelos e unhas;
  • linguagem corporal — mantenha a coluna reta e uma postura que demonstre confiança, mas não arrogância. Cumprimente com as mãos firmes e fique sempre atento para não demonstrar um sentimento que não é real, como uma má postura em uma reunião pode demonstrar desinteresse;
  • expressão facial — as empresas estão em busca de pessoas que não “pesem” o time. Portanto, adotar uma expressão leve, descontraída e receptiva pode ajudá-lo a fazer muitos contatos e abrir muitas portas. Pense nisso!

Além de todos esses fatores, para manter uma imagem profissional positiva é preciso investir constantemente em algumas atitudes, como ser sempre ético, manter-se longe de fofocas, valorizar a cordialidade e a organização, ser participativo, investir em qualificação e saber se comunicar (com e sem as palavras).

Pensando assim, pode parecer que construir a sua imagem profissional é um grande desafio, mas, na verdade, ela é pautada nas qualidades que você, certamente, já tem.Basta lapidá-las e prestar atenção na sua postura e atitudes.

Espero ter ajudado! Quer receber mais dicas como estas? Assine a minha newsletter agora mesmo!