etiqueta-profissional-2

Em qualquer local ou situação de nossa vida, precisamos saber nos portar, não é verdade? A forma como agimos entre nossos amigos e familiares não pode ser a mesma de quando estamos em eventos formais ou, até mesmo, no ambiente de trabalho — que exige certa etiqueta profissional.

Tratam-se de regras de comportamento que vão ajudar na fluidez das atividades, no seu relacionamento com os colegas (e também superiores, clientes e fornecedores) e na sua imagem pessoal.

Algumas são mais genéricas no mercado de trabalho (como não ofender ou constranger as pessoas, manter-se ético e honesto etc.), enquanto outras podem ser estabelecidas pela própria empresa, dependendo da postura que ela preza e da imagem que quer transmitir aos seus clientes, por exemplo.

Quer conhecer algumas dicas de etiqueta profissional e saber por que isso é tão importante para a sua carreira? Vamos continuar a nossa conversa!

1. Seja pontual

Apesar de, no Brasil, muitas vezes, esse cuidado não ser levado tão a sério, manter a pontualidade é mais do que uma questão de etiqueta profissional — é educação, não é mesmo?

Para perceber o quanto ser pontual é importante, coloque-se no lugar de quem se apressou tanto para cumprir com seu compromisso e teve de ficar esperando.

À sua imagem profissional, não ter pontualidade pode deixar a impressão de que você é uma pessoa descompromissada e desorganizada, além de não respeitar os clientes, fornecedores ou demais contatos.

2. Mantenha a postura

Aqui, o assunto pode ser bastante amplo, tendo em vista que manter a postura no ambiente de trabalho engloba várias atitudes, como:

  • manter o tom de voz sempre ameno e educado, independentemente de uma discussão ou de um momento de descontração;
  • vestir-se de forma adequada ao ambiente e às suas funções;
  • saber ouvir e respeitar a opinião dos outros;
  • usar o celular com moderação;
  • separar tarefas (e problemas) pessoais dos profissionais;
  • ter comportamentos discretos, a fim de não atrapalhar os colegas ou tornar-se inconveniente.

3. Não exagere no bom humor

Falando em ser um colega inconveniente, é preciso ter cuidado com brincadeiras fora do tom. É claro que um colega bem-humorado, sempre prestativo e com um sorriso no rosto é um grande diferencial para a equipe, mas, de forma alguma, extrapole os limites dando apelidos, fazendo piadinhas e, principalmente, constrangendo a equipe — o que, consequentemente, estará levando você à autossabotagem.

4. Conheça as vantagens de seguir tais etiquetas

Como você pôde perceber, manter uma postura profissional adequada é capaz de trazer grandes benefícios aos seus relacionamentos — sejam eles com os seus colegas, gestores, clientes e fornecedores. Assim, você será sempre bem-visto, requisitado em diversas ocasiões e, ao abrir uma oportunidade na empresa, será lembrado por seus diferenciais. Afinal, nem só de competência se faz um bom profissional.

Além disso, ainda que uma promoção demore um pouco a chegar, você não perde nada ao manter uma comunicação excelente com as pessoas, nem por trabalhar o seu personal branding. Lembre-se que esse fator é construído aos poucos, diariamente e com atitudes sólidas. Mantenha-se no caminho e, certamente, você vai encontrar os bons resultados que procura.

Manter a etiqueta profissional também é um exercício que deve ser praticado todos os dias e que vai ajudá-lo a criar e fortalecer a sua imagem de profissional comprometido, sério, respeitável e respeitado). Vale a pena!

Eu espero ter ajudado você com mais este conteúdo. Agora, que tal aprofundar-se no tema de postura profissional para saber como turbinar os seus resultados? Até a próxima!

0 respostas

Deixe uma resposta

Quer entrar na discussão?
Sinta-se livre para contribuir!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *